Arquivos Brasileiros de Neurocirurgia: Brazilian Neurosurgery 2016; 35(03): 207-211
DOI: 10.1055/s-0035-1565261
Original Article | Artigo Original
Thieme Publicações Ltda Rio de Janeiro, Brazil.

Traumatic Brain Injury Research in Brazil: A Bibliometric Study

Pesquisa em traumatismo cranioencefálico no Brasil: um estudo bibliométrico
Robson Luis Amorim
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
2  Neurology Center, Hospital Samaritano, São Paulo, Brazil
,
Saulo Araújo Teixeira
3  School of Medicine, Universidade Federal do Ceará, Barbalha, Brazil
,
Sérgio Goncalves Silva-Neto
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
,
Renato Anghinah
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
2  Neurology Center, Hospital Samaritano, São Paulo, Brazil
,
Manoel Jacobsen Teixeira
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
,
Almir Ferreira de Andrade
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
,
Wellingson Silva Paiva
1  Neurosurgery Department, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil
2  Neurology Center, Hospital Samaritano, São Paulo, Brazil
› Author Affiliations
Further Information

Publication History

21 July 2015

28 August 2015

Publication Date:
03 November 2015 (online)

Abstract

Traumatic brain injury (TBI) is responsible for high rates of morbidity and mortality, constituting an important public health problem throughout the world. Improving medical research on systemic trauma is a critical issue to understand its impact and develop strategies for prevention and treatment. This paper presents an overview of medical research performed in Brazil about TBI comparing it with the production on the same topic with other countries and with publications about different neurological and non-neurological diseases. It is possible to notice that Brazil has a deficiency in the scientific production on TBI given its importance. Greater integration between the research centers could help meliorate the production and quality of the papers and encourage further studies on the theme, in the quest to minimize the shortage of publications that can be seen today.

Resumo

O trauma cranioencefálico (TCE) é responsável por altas taxas de morbidade e mortalidade, constituindo um importante problema de saúde pública em todo o mundo. Melhorar a investigação médica sobre trauma sistêmico é uma questão crítica para compreender seu impacto e desenvolver estratégias para a sua prevenção e tratamento. Este artigo apresenta uma visão geral da pesquisa médica realizada no Brasil sobre TCE comparando-a com a produção sobre o mesmo tema com outros países e com publicações sobre diferentes doenças neurológicas e não neurológicas. É possível notar que o Brasil tem uma deficiência na produção científica sobre TCE dada a sua importância. Maior integração entre os centros de pesquisa poderia ajudar a aperfeiçoar a produção e a qualidade dos trabalhos e incentivar novos estudos sobre o tema, na busca de minimizar a escassez de publicações vista atualmente.