CC BY-NC-ND 4.0 · Arq Bras Neurocir 2012; 31(03): 151-155
DOI: 10.1055/s-0038-1625698
Artigos Originais
Thieme Revinter Publicações Ltda Rio de Janeiro, Brazil

Síndrome confusional aguda pós-neurocirurgia: etiologia, diagnóstico e tratamento

Acute confusional syndrome after neurosurgery: etiology, diagnosis and treatment
João Welberthon Matos Queiroz
,
Eberval Gadelha Figueiredo
,
Carlos Eduardo Seyfert
,
Manoel Jacobsen Teixeira
Further Information

Publication History

Publication Date:
11 January 2018 (online)

Resumo

A síndrome confusional aguda (SCA) ou delirium é uma complicação comum em pacientes submetidos à cirurgia, em especial as cardíacas e neurológicas, sendo uma alteração cognitiva. Se não abordada imediata e corretamente, pode provocar sequelas irreversíveis. É uma situação clínica ainda pouco estudada quando tratada conjuntamente com a neurocirurgia, necessitando de estudos prospectivos mais adequados. Esta revisão tem como propósito elucidar questões referentes a uma complicação neurocirúrgica subdiagnosticada, que em muitos casos não recebem o tratamento mais indicado pela literatura. Além de abordar a etiologia, o diagnóstico e o tratamento dessa complicação, o presente trabalho enaltece a necessidade de mais estudos acerca da SCA e suas derivações, tendo, assim, o propósito de promover a melhor abordagem pós-operatória de uma das complicações mais complexas da neurocirurgia.

Abstract

Acute confusional syndrome (ACS) or delirium is an usual complication in patients submitted to surgery, especially heart and neurological, result of a cognitive disturb. If not dealt immediate and properly, it may cause irreversible consequences. It is yet a poorly studied clinical condition, when treated along with neurosurgery, more appropriate prospective studies being necessary. This review/paper aims to elucidate issues related to an underdiagnosed neurosurgical complication which, in many cases, do not receive the best treatment indicated by literature/textbooks. Besides approaching the etiology, diagnosis and treatment for this complication, the current work/paper emphasizes the need for more studies about the ACS and its derivatives. Thereby, it features the purpose of promoting the best postoperative approach for one of the most complex neurosurgery complications.

1Graduando em Medicina pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Cajazeiras, PB, Brasil.


2Divisão de Neurocirurgia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), São Paulo, SP, Brasil.


3Professor de Anatomia Topográfica Humana da UFCG, Cajazeiras, PB, Brasil.


4Professor titular da disciplina de Neurocirurgia da FMUSP, São Paulo, SP, Brasil.